sexta-feira, outubro 23, 2009

Novo Governo – Outra Aventura

 

novo governo in-provavel

Acabou o “Tabu”.

Terminaram as cogitações, as meras hipóteses, as indefinições, os convites e recusas; os contactos e as conversas de bastidores.

Há governo. Melhor, volta a haver hipótese de haver governo.

O país real (apesar de sermos uma Républica) regozija e o país politico agita-se.

Depois de ter vencido as eleições José Socrates, em versão dialogante, já conseguiu reunir nomes suficientes para formar um Governo e tentar agradar a Gregos e a Troianos. Infelizmente temo que continue a desagradar aos portugueses.

Este será, sem duvida alguma, um governo de conciliação e pelo que já se pode observar, concilia os incompetentes do costume com outros novos incompetentes; Os oportunistas do costume com novos oportunistas, “caceteiros” com “arrivistas” e as desculpas do costume com as mesmissímas desculpas, mas agora vindas de pastas governativas diferentes e de diferentes imitações de céreberos e princípios. Por outro lado nota-se-lhe um esforço para conciliar tendências internas do partido socialista, algumas delas são até tendências politicas favoraveis ao primeiro ministro, imagine-se.

Temos uma pianista na Cultura, uma Pássaro no ambiente e uma inventora de histórias na Educação o que desde logo permite concluir que a Cultura continuará “piano”, o Ambiente a voar a olhos vistos e bicadas dadas e que a Educação continuará a primar pela imaginação e aventureirismo.

3 comentários:

SNC disse...

Caro Rui quero desde já desde já desculpar-me por ter utilizado este texto indevidamente.

Eu recebi o texto por email de um amigo e nele não havia qualquer referencia. A única alteração que fiz foi substituir a palavra insulto por vitupério por razões puramente estilisticas.

Agradeço por ter chamado a atenção e vou imediatamente editar o texto de modo a dar o devido crédito ao seu legítimo autor.

Rui disse...

Agora que li o seu texto acerca de um anónimo insultuoso fiquei convencido ter sido esse o mesmo anónimo que (ignoro com que finalidade) me enviou o link do seu blog. Há males que vêm por bem, pois assim tenho mais um blog para ir seguindo. Quanto à inclusão "adaptada" é para mim motivo de orgulho saber que há quem goste do que se vai postando no In-provavel.

Um abraço:
Rui V.

Austeriana disse...

Também não me parece que a min-edu II venha trazer novidades agradáveis para a Educação. Todavia, há neste «refreshment» algo que me agradou: Pedreira e Walter foram arejar!
Pior que estes dois será difícil.

P.S. Quanto à história de que fala aqui nos comentários, também já tive um «cromo» desses no b-c. O meu "fair play" foi menor...
Abraço.