terça-feira, dezembro 23, 2008

Receita de Natal: Tarte de Sonhos Desfeitos

Sweet Dreams, BabyRoy  - Lichtenstein In-Provavel

500 gr. de “Sonhos”

q.b. Farinha de centeio de alguma pureza (Transmontano ou Alentejano, sem fermento dos dias).

2,5 dcl. de sumo (ácido) de limão ou da vida.

1 base de tarte ou de afeição.

3 ovos inteiros batidos com alma clara e... gema!

Tomam-se os “Sonhos” e desfazem-se com as mãos (conscientemente) em pedaços pequenos e irregulares que não se notem nem no acto de mastigar nem no de recordar.

Polvilha-se com a farinha de centeio e rega-se com o sumo de limão. Mistura-se tudo sem desfazer o que resta dos sonhos. Depois de obter uma massa homogénea coloca-se na base, pincela-se com os ovos batidos e leva-se ao forno a 180 graus até que adquira consistência suficiente.

1 comentário:

Arion disse...

Gosto muito dos Pops e do Lichtenstein em particular. Boa escolha! Festas Felizes!