sábado, julho 26, 2008

PÚBLICO HOJE

Público - análise do dia 

 

TÍTULOS DO PÚBLICO DE HOJE

_____________________________________________

pág. 1

“CRISE ESPANHOLA TRAVA ECONOMIA PORTUGUESA”

Facto natural uma vez que é Espanha o principal parceiro comercial de Portugal. O que é lamentável é que quando a economia espanhola estava florescente e pujante tal pujança não se reflectiu na nossa economia. Terá sido por manifesta incapacidade governamental ou apenas para dar razão ao velho dito “de Espanha nem bom vento nem bom…”?

pág. 4

“ A RTP terá pago 16 milhões de Euros, quase sete vezes mais do que os lucros conseguidos o ano passado pelos direitos de transmitir um jogo por jornada da Liga de futebol durante as próximas duas temporadas.” Isto para além de “(…) parte dos direitos das transmissões dos jogos Olímpicos de Pequim (…) e de uma larga fatia dos 64 encontros do Mundial futebol de 2010 (…).”

Comentários para quê? Apetece apenas perguntar se o responsável (ou será irresponsável?) pela decisão já terá um lugarzinho reservado na direcção da SPORT TV para quando deixar a televisão que deveria ser “de todos nós”.

pág. 6

“Ministério Público muda de posição e acusa Judas”

Pôncio Pilatos, Herodes e Caifáz manifestaram já a sua preocupação e solidariedade para com Judas e não entendem a preocupação do Ministério Público uma vez que era suposto ter ficado tudo decido com o pagamento dos 30 dinheiros.

pág. 10

“Gonçalo Amaral lança livro”

Sem querer discutir possíveis métodos ou deméritos do autor do lançamento, congratulo-me com este lançamento já que parece ter obtido com ele uma marca que lhe garante os “mínimos Olímpicos”: três edições em apenas dois dias. O povo português não tem mesmo nada em que pensar ou então não quer ter.

pág. 11

“Soldado da GNR processado por recusar lavar pratos”

Não é que um malandrete de um soldado da GNR não quis lavar pratos e fazer o serviço de faxina no Regimento de Cavalaria da Ajuda em Lisboa?

“Toda a gente sabe que cozinhar, lavar e secar pratos fazem parte dos mais básicos deveres de qualquer membro da GNR”; Foi com este comentário que um General do Comando Geral desta força de segurança comentou o assunto, isto enquanto retirava o avental e pendurava o pano da loiça.

Depois queixam-se que não há efectivos suficientes nas ruas. Efectivamente…

pág. 12

“Nos gelos do Árctico escondem-se 13% do petróleo ainda não descoberto”

Ao saber disto Hugo Chavez, durante a sua bajulação em Lisboa, declarou que o Árctico é um fascista e um capitalista empedernido por não partilhar o seu petróleo com o resto do mundo tal como ele faz e ameaçou cortar as exportações de petróleo Venezuelano para o Árctico imediatamente.

José Sócrates, por seu lado, anunciou existir já agendada uma visita do Árctico a Portugal em que será recebido não apenas por si mas também pelo grande amigo Mário Soares.

Havia mais, muito mais… mas agora não me apetece!

Obrigado ao PÚBLICO

2 comentários:

filomeno2006 disse...

Hubiera sido buena cosa la coincidencia en el tiempo de los Ministerios Cavaco (Portugal) y Aznar (España)

H. Sousa disse...

Óptimas notícias...